Google+ Followers

Monday, November 01, 2010

...E agora, José?!

Veja, Folha, Estadão, Carta Capital, O Globo... 

A grande imprensa brasileira, sem saída e em desespero financeiro, mostrou nestas eleições seu total comprometimento com uma ideologia política ou outra e acabaram se tornando em algo, assim, como um weblog exclusivo, de opinião. Ou seja, o conceito de jornalismo isento e/ou elemento meramente informativo e fiscalizador (doutrina do 4” poder de uma Democracia) foi p´ras cucuias... 
 "Informação p´ra quê? Os compradores do jornal/revista/site que se lasquem! O que vale neste meu produto de propaganda é o que acho!" 

Nota de última hora: O ¨jornalismo¨ (SIC) tupiniquim, deste dayafter, insiste em avaliar a divisão NORTE-SUL dos votos em termos PERCENTUAIS... Coloque as votações nas regiões em NÚMEROS ABSOLUTOS e verá que os 45% dos 89 milhões dos eleitores do sul, sudeste e centro-oeste (algo como 32 milhões de votos de 40 milhões de eleitores, menos 20% de abstenção) é muito mais significativo que os cerca de 22 milhões de votos oriundos do N-NE. Com aritmética elementar vê-se (sem torturar números) que os 11 milhões de votos absolutos que Dilma recebeu a mais que Serra residem nas regiões sul, sudeste e centro-oeste... xenófobos, onde estás seu XENOS agora?

Posted via email from Impressões Digitais

No comments: